Paraná Pesquisas: 31,3% já pensaram em morar fora; 49% o fariam se tivesse oportunidade - Jornal Centro Oeste

Home Top Ad


quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

Paraná Pesquisas: 31,3% já pensaram em morar fora; 49% o fariam se tivesse oportunidade

Paraná Pesquisas: 31,3% já pensaram em morar fora; 49% o fariam se tivesse oportunidade
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil
Apesar da crise econômica e financeira, a maioria dos brasileiros afirma nunca ter pensado em morar em outro país, de acordo com levantamento do Instituto Paraná Pesquisas: 68,7% disseram nunca ter planejado emigrar, enquanto 31,3% responderam que já pensaram nisso. A quantidade de pessoas que já quis sair do Brasil é maior entre homens (34,3%) do que entre mulheres (28,5%). O desejo de emigrar é maior entre os jovens de 16 a 24 anos (38,5%) e vai reduzindo à medida que a faixa etária eleva: 37,7% entre pessoas de 25 a 34 anos; 35,3% para os que têm entre 35 a 44; 27,3% para os adultos de 45 a 59; e 17,9% para as pessoas acima de 60. A vontade de morar fora é acima da média entre as pessoas de maior escolaridade: 40,7% dos que tem Ensino Superior; enquanto 22,7% com Ensino Fundamental têm o mesmo pensamento. A ideia de sair do Brasil varia pouco entre as regiões, sendo o maior número no Sudeste (33,8%) e o menor número no Nordeste (27,3%). A quantidade de pessoas que querem morar fora do país aumenta quando a questão indica que o entrevistado teria uma oportunidade para fazê-lo: desta forma, 49% dizem que gostariam de emigrar e 48% responderam que não o fariam. Com a questão apresentada desta maneira, os números ampliam em todos os recortes, mantendo proporcionalmente a diferença entre mulheres (46,5%) e homens (51,7%). Praticamente dobra o índice entre os que têm Ensino Fundamental (40,6%), mas o maior número ainda está entre os que têm Ensino Superior (56,7%). A perspectiva de morar fora também cresce no Nordeste (45,1%) e a quantidade maior se mantém no Sudeste (52,4%). Os idosos (60 anos ou mais) passam a expressar maior desejo em deixar o Brasil (28,4%), mas o índice se torna maior entre os que têm entre 25 e 34 anos (59,9%). Entre os motivos mais apontados pelos entrevistados predominam qualidade de vida (26,6%), segurança pública (22,5%), futuro dos filhos (8,7%), renda e dinheiro (7,9%). A pesquisa indica ainda que o movimento de saída do país está ocorrendo: 67,4% dos entrevistados afirmam conhecer alguém que está morando no exterior. O índice se eleva entre pessoas com Ensino Superior (81%); moradores do Sul (74,8%) e do Sudeste (72,7%); e pessoas na faixa entre 45 a 59 anos (72,7%) e 35 e 44 anos (71,6%). Foram entrevistadas 2.432 pessoas em 168 municípios de 26 estados e do Distrito Federal, entre os dias 12 e 14 de dezembro. A margem de erro é de 2%, com grau de confiança de 95%. Bahia noticias